Linguagem[+]

domingo, 13 de março de 2016

Patrimônio Imaterial da Humanidade

(*) Laerte Sílvio Tavares é engenheiro civil por formação, mas por atavismo, de seu avô materno, gosta das letras e escreve. "As décimas do cancioneiro português do Século XVI voltaram à voga em Portugal, e eu aqui também estou a resgatar esse estilo literário para poemas narrativos. Já compus dois livros editados pela Universidade Unisul nesse estilo - Canoas, Ventos e Mares e Ilha de Idílios. Escrevi, então, essas décimas para saudar a Irmandade do Senhor dos Passos nos seus 250 anos de existência." - Jornal Notícias do Dia - FLORIANÓPOLIS, QUINTA-FEIRA, 10 DE MARÇO DE 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário