Linguagem[+]

terça-feira, 1 de maio de 2018

SONHOS

                                  LAERTE SÍLVIO TAVARES - O ENGENHEIRO CONSTRUTOR DE VERSOS -                                                                             OBRA DO ARTISTA PLÁSTICO CATARINENSE BONSON.

ANTOLOGIA DE POESIA DA EDITORA CHIADO - PORTUGAL 
 "SONHOS" - LAERTE SÍLVIO TAVARES 



SONHOS

O meu sonho é enorme...
Não posso ser pequeno!
Vamos à voga e à vela. Ao sonho aceno
Que o seguirei igual como quem dorme.
Traço meu rumo ao dele, a estar conforme
Para singrarmos já  ao pano pleno.
Dada ambição, sem vento, eu me enveneno,
Corrijo rota, a fim que se transforme
Vaga viagem à vã velocidade,
Veloz; volvendo ao vento vil vindo que invade
Vão do velame inteiro, eu ultrapasso
O sonho meu sem leme e sem sentido.
Ao me acordar no oceano, perdido,
Nada planejo! Nada sou, nem faço!...

Na cama,  eu viro, durmo e me atrelo
Ao lindo sonho em um reino encantado.
Príncipe sou, e uma princesa ao lado
Conduz-me à dança no amplo castelo
Onde graceja um só polichinelo
Junto de súditos daquele reinado.
Danço com a dama de rosto colado,
Mas eis que ela, contrária ao meu fado,
Afasta o rosto e me acorda ligeiro.
Ao ver que o sonho foi tão passageiro
Retorno a ele, qual fiel soldado
E aos risos, danço. Meu ser verdadeiro
Mantém-se alegre quase o dia inteiro,
Feliz da vida e sonhando acordado.


57 comentários:

  1. Olá, Sírio!
    Sonhar acordado ou acordar depois de sonhar faz o dia muito melhor, sem sombra de dúvida alguma...
    O poeta sabe conciliar as duas coisas muito bem e faz versos com alegria de quem dança ritmadamente em belos sonhos reais.
    Seja muito feliz e abençoado junto aos seus amados!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir
  2. Quem sonha acordado é poeta. E o Laerte é-o sem sombra de dúvida.
    Gostei de ler.
    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Excelente sonho e mais ainda por continuar nesse enlevo, assim é o poeta sonha acordado ou dormindo não importa, o importante é a poesia que pulsa dentro de si e depois transborda no sonho e na realidade.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Gostei da caricatura, do livro, mas especialmente do poema.
    Aquele abraço

    ResponderExcluir
  5. Caro Silo, mi dispiace di non poter capire tutto!!! ma penso che si tratti di un tuo libro, che immagino molto bello!!!
    Ciao e buon pomeriggio con un forte abbraccio.
    Tomaso

    ResponderExcluir
  6. Que lindo poems so sonho...Por vezes sonhar ,mesmo acordado, faz muito bem. Parabéns pelo livro onde há essa poesia tua e bela capa! Valeu!abraços, lindo MAIO! chica

    ResponderExcluir
  7. Muito bom, Acredito que seja um bom livro :))


    Hoje:- Vestes leves, agitadas pelo pensamento

    Bjos
    Votos de uma óptima Quarta - Feira

    ResponderExcluir
  8. Complimenti per l'opera selezionata per l'Antologia poetica.
    I grandi sogni dei poeti vivono di poesia. Bellissima lirica!
    Un abbraccio e buon proseguimento di settimana!

    ResponderExcluir
  9. Amei passar pelos teus sonhos, Laerte! Escrita intelígível, aberta e abrangente. Parece que versejas como quem respira.

    Beijo, amigo.

    ResponderExcluir
  10. Também ando assim, Silo, sonhando acordada.

    Adorei esse poema!!!

    Muito prazeroso!

    ResponderExcluir
  11. En ocasiones no sabemos si es sueño o realidad, un bello poema.

    Saludos.

    ResponderExcluir
  12. É o sonho que comanda a vida, então continuemos sonhando para que a vida se torne menos pesada.
    Um prazer meu amigo, deixo um abraço.

    ResponderExcluir
  13. O POETA tem sempre um lado sonhador que faz dele único na arte de bem "poetar"!!!bj

    ResponderExcluir
  14. Gostei muito da caricatura. Bonito poema.
    Continuação de bons sonhos.

    ResponderExcluir
  15. A sua participação na Antologia foi magnífica, já que o seu poema é excelente.
    Bom fim de semana, caro Laerte.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  16. Parabéns pela participação.
    Como diz o poeta "O sonho comanda a vida..."
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderExcluir
  17. O sonho tem de ser enorme
    Igual ao tamanho do mundo
    Por isso, a alma não dorme
    Na busca, de amor profundo!

    Abraço


    ResponderExcluir
  18. Olá td bem ?
    Vim conhecer e acabei ficando adorei
    tudo que vi,parabéns lindo mesmo,voltarei mais vezes
    tenha um bom final de semana abraços!!
    Rita!

    ResponderExcluir
  19. Una perfecta y preciosa participación.
    Ha sido un placer pasar hoy a leer esta entrada.
    ¡Buen fin de semana!
    Kasioles

    ResponderExcluir
  20. Caro Poeta Laerte, parabéns pelo livro e este
    seu excelente poema reflete a qualidade da
    sua poética e literatura superior:
    "O meu sonho é enorme...
    Não posso ser pequeno!
    Vamos à voga e à vela. Ao sonho aceno
    Que o seguirei igual como quem dorme."
    Expressividade poética de perfeição!!!
    Aprecio imensamente a leitura aqui e fico
    grata com a sua generosidade na leitura e
    apreciação da minha poética.
    Grande abraço de amizade e admiração, Laerte.

    ResponderExcluir
  21. Olá Laerte, que rico poema, sua participação na Antologia com certeza foi uma grande contribuição literária.Parabéns!
    Abraço e bom domingo!

    ResponderExcluir
  22. Oi, Laerte, que maravilha, teus SONHOS numa Antologia!
    Muito bonito, destaco,

    "E aos risos, danço. Meu ser verdadeiro
    Mantém-se alegre quase o dia inteiro,
    Feliz da vida e sonhando acordado."

    É, vocês poetas conseguem sonhar acordado!
    Parabéns pela publicação!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  23. Excelente poema. Que dizer mais?
    "...[Ao ver que o sonho foi tão passageiro
    Retorno a ele, qual fiel soldado
    E aos risos, danço. Meu ser verdadeiro
    Mantém-se alegre quase o dia inteiro,
    Feliz da vida e sonhando acordado.]"
    Parabéns pela distinção e pela edição.
    Bem o mereces pela tua sensibilidade.

    Abraço
    SOL

    ResponderExcluir
  24. Parabéns pela distinção bem merecida!!!
    Beijinhos, bom domingo :)

    ResponderExcluir
  25. Muitos parabéns pela sua participação, o poema é lindo.
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  26. Voltei para agradecer o maravilhoso poema que deixou no meu cantinho pelo Dia da Mãe.
    Um grande abraço
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  27. https://poemasdaminhalma.blogspot.pt/
    Querido amigo Laerte!
    Como é bom ter amigos e receber com carinho esse teu lindo mimo. Adorei amigo esse seu comentário.
    Parabéns caro Laerte pelo maravilhoso livro, pelo título que acho espetacular e ainda pelo seu belo poetizar e boa disposição!
    Beijinho Laerte e venha sempre, é um prazer.
    Luisa Fernandes

    ResponderExcluir
  28. Um poema impecável, de grande humanidade e
    com um toque humorístíco que cai muito bem.
    A Chiado vende em Portugal?
    Abraço amigo.
    ~~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que sim, Majo! Devem vender em Portugal, pois a editora é portuguesa e o livro foi editado em Lisboa. São dois volumes e recebi dois exemplares em meu endereço postal, não observei se o remetente era do Brasil ou Portugal. Grande abraço. Laerte.

      Excluir
  29. Olá tudo bem???


    Que lindo! Parabéns!!!


    Beijinhos;
    Débora.
    https://derbymotta.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  30. Sonhos são apanágio de todos os poetas.


    Convidamos a ler o capítulo XII do nosso conto escrito a várias mãos "Voar Sem Asas"
    https://contospartilhados.blogspot.pt/2018/05/voar-sem-asas-capitulo-xii.html

    Votos de boa semana!
    Saudações literárias

    ResponderExcluir
  31. Parabéns, Laerte, por seu excelente poema e por sua inclusão no livro.
    Merece, sem dúvida, essa distinção. É um poema MUITO BOM.
    Sonhar é uma actividade que ainda não paga imposto :))) mesmo quando se sonha acordado.

    Votos de uma boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
  32. Enhorabuena por el poema que nos regalas y por el conjunto de tu obra literaria.

    Saludos cordiales

    ResponderExcluir
  33. Grata pela visita e pelo poema lá deixado.
    Quanto à minha identidade como foi explicado na resposta dada, aqui fica o caminho para ela: http://meninamarota.blogspot.pt

    Um abraço e boa semana.

    Otília Martel

    ResponderExcluir
  34. Amigo Laerte a edição de um livro de poesia é um ato de bravura das editoras, onde quer que se fale a língua portuguesa, o que já ocorria antes da Internet, hoje, coragem dobrada. Mas não apenas coragem do editor, mas sim amor à Poesia, gênero que, dentre outros, melhor "fala" nosso idioma. Parabenizo a editora, que está localizada em Lisboa e São Paulo, pelo brioso feito, pois até Fernando Pessoa conheceu as agruras para editar sua poesia. Parabéns Laerte, tanto pelo livro como pela poesia da melhor qualidade, que merece estar nas páginas de uma Antologia Poética.
    Um grande abraço.
    Pedro

    ResponderExcluir
  35. Parabéns meu amigo pelo belo poema e merecida inclusão na antologia poética.
    Continue o poeta "feliz da vida e sonhando acordado".
    Amei a caricatura!!!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  36. Fiquei tão contente com a
    tua visita e com a beleza
    da tua escrita que resolvi
    te seguir. Será que seria
    muito pedir que me sigas,
    também?

    Um grande abraço, amigo e
    obrigado.

    silvioafonso



    .

    ResponderExcluir
  37. Muy encantador tu poema.
    Bellas sensaciones en esos sueños despiertos por donde se pasea el poeta.
    Fue un placer la lectura.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  38. Tus versos cierran un fusionado increíblemente bello, que sería de la vida, si dejáramos de soñar. Nunca debemos dejar de soñar, ni que sea despierto.
    Saludos.

    ResponderExcluir
  39. Você tem a sensibilidade das
    pessoas que tem esse nome e
    isso me emociona de certa maneira
    que só um abraço muito forte para
    garantir o que eu digo.

    Um grande abraço, portanto,
    querido amigo.

    silvioafonso



    .

    ResponderExcluir
  40. ¡Hello!
    Beautiful photos. Great post. I`m following, thanks for following me.
    Aprovecha La Vida Cada Día
    ¡Kiss!

    ResponderExcluir
  41. Eu e você temos uma amiga
    que viaja, em breve, à Tijucas,
    no seu Estado. Vou pedir a ela
    que leve uma lembrança minha para
    o cara mais "gente boa" da região.

    Um grande abraço e, "tamo junto".

    silvioafonso
    (Academia Tijuquense de Letras.
    Rua Cel. Gallotti, 183 - Centro.
    Tijucas - SC)


    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O endereço é o destino
      da nossa amiga e não meu,
      capisci?

      .

      Excluir
  42. Passei para ver as novidades.
    Mas gostei de reler o seu excelente poema.
    Bom fim de semana, caro Laerte.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  43. Que os sonhos nos sustentem a vida!

    Adorável a sua engenharia de versos!
    Parabéns!

    Bom fim-de-semana, amigo!

    ResponderExcluir
  44. Amigo Laerte
    Muitos parabéns, pela tela- magnífica- e pelo seu contributo nesta Antologia.
    Gostei imenso do seu poema e entendo que nunca nos devemos afastar dos nossos sonhos.
    Um fim de semana como sempre sonhou.
    O meu grande abraço
    Beatriz

    ResponderExcluir
  45. Estás em prolongamento da festa. Honra te seja dada, Amigo.
    Renovados Parabéns.

    Abraço
    SOL

    ResponderExcluir
  46. Parabéns pelo seu contributo na antologia.
    O poema "Sonhos" é lindo. Que continue a sonhar!
    Bom domingo.

    ResponderExcluir
  47. Laerte, passei para desejar um excelente domingo.
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  48. Há sonhos que nos tecem sorrisos no coração!
    Grata pela sua visita!
    Beijinho*
    Fanny

    ResponderExcluir